Pesquisar este blog

terça-feira, 9 de outubro de 2018

PARTIDO NOVO DECIDE NEUTRALIDADE PARA O 2° TURNO. MAS SE DECLARA CONTRA O PT.

Partido NOVO, que colocou João Amoêdo na disputa presidencial, disse, em nota, que o 2° turno tem cenário 'não desejado'.
O partido NOVO,  declarou neutralidade no 2° turno entre Haddad (PT) e Bolsonaro (PSL). A declaração veio através de nota oficial na manhã desta terça-feira (9/10).

Segundo a nota enviada à imprensa, "O NOVO não apoiará nenhum candidato à presidência, mas somos absolutamente contrários ao PT, que tem ideias e práticas opostas às nossas". João Amoêdo, líder do partido, teve 2,7 milhões de votos, ficando na quinta colocação da disputa presidencial a frente de nomes como Marina Silva (REDE), Henrique Meirelles (MDB) e Álvaro Dias (PODEMOS).

Amoêdo chegou a elogiar Paulo Guedes, economista que é apontado como ministro da Fazenda caso Jair Bolsonaro seja eleito, mas ressaltou que o capitão reformado, como deputado, nunca defendeu as pautas propostas pelo economista.

"O cenário presidencial no segundo turno não é aquele que desejávamos. Manteremos nossa coerência e nossa contribuição se dará através da atuação de nossa bancada eleita", finaliza a nota do NOVO.
Fonte/NE10.