domingo, 21 de março de 2021

LUTO: CALOU-SE A REGUENGUELA. MORREU O RADIALISTA IVAN BULHÕES.

Foram mais de 60 anos de profissão, divulgando a Cultura Nordeste através do rádio, o que lhe rendeu o título de O Rei do Forró de Caruaru.
• 12.03.1930
+ 20.03.2021
Morreu na noite deste sábado (20/3) na cidade Caruaru-PE, com a idade de 91 anos, o radialista Ivan Fernandes Bulhões (IVAN BULHÕES). Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Unimed desde o dia 5 de março, após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

O comunicado de seu falecimento foi através de Nota da Rádio Liberdade de Caruaru onde o comunicador tinha contrato vitalício. 

Programas como Aquarela Nordestina, Hora da Justa entre outros, e os bordões "Vai Começar a Reguenguela do Horário"; "Dez e quaraquaquá, quaraquaquá depois das dez"; "Beijinhos nas Crianças"; eram marcas registradas do grande alagoano nascido em 12 de março de 1930, ele veio para o recife e estava em Caruru desde 1962.   

O comunicador também criou a "Caravana de Ivan Bulhões" que juntava vários artistas de Caruaru, e percorria diversas cidades, fazendo shows e circos, e praças públicas.

Ivan Bulhões estava afastado dos microfones desde o dia 5 de julho de 2017, quando sofreu uma queda em casa e fraturou o fêmur. Ele passou pelas Rádio Cultura do Nordeste; Rádio Difusora (Atual Rádio Jornal) e atualmente era contrato pela Radio Liberdade a atuou nos últimos 25 anos. 

Nota da Rádio Liberdade de Caruaru.
"É com enorme pesar que a Rádio Liberdade de Caruaru comunica o falecimento do nosso eterno comunicador Ivan Fernandes de Bulhões. Funcionário Vitalício, Ivan Bulhões levou alegria, informação e forró para as casa de milhares de pernambucanos ao longo dos seus mais de 60 anos de carreira. Com seu estilo próprio, criou diversos bordões onde rapidamente ele pode ser reconhecido. Quatro e Quaraquaquá. reguenquela do horário e beijinhos nas crianças são algumas delas, que serão sempre lembradas. Ivan deixa um enorme legado para o rádio do Nordeste! Os momentos ao lado dele ficarão eternizados em nossa memória e nossos corações. 

Nota da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT)
"A Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT) manifesta seu pesar pela morte do radialista Ivan Bulhões, neste sábado (20), em Caruru-PE.
Ícone do rádio nordestino, de seus 91 anos de vida, 60 foram dedicados à radiodifusão. Ivan Bulhões passou por todas as emissoras AM da região. Foi considerado funcionário vitalício da Rádio Liberdade de Caruaru e chegou a ser comparado com Chacrinha. Graças a seu talento e criatividade, o amor pelo rádio ganhou espaço na vida de milhares de ouvintes.
Neste momento de profunda consternação, a ABERT se solidariza com a família, os amigos e os fãs do radialista, que deixou um rico legado à comunicação do país.
 

Pesquisar este blog