quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

BOLSONARO INDICA EX-EXECUTIVOS DA ODEBRECHT PARA CONSELHO DA PETROBRAS.

Empreiteira é pivô das investigações da Lava Jato, que apura esquemas de corrupção na estatal.
O governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) indicou três nomes para compor o conselho de administração da Petrobras, sendo que dois deles são ex-executivos da Odebrecht. 

Cox trabalhou na Odebrecht durante 13 anos. Desde junho de 2016, ele atua como membro do conselho de administração da Brasken, braço petroquímico do grupo.

Forman, que recusou o cargo na petroleira nessa quarta-feira (16/1), foi condenado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) por uso de informação privilegiada em negociações na bolsa, em 2013. 

Almirante Leal Ferreira, cotado para presidir o colegiado, é ó único que nunca trabalhou na empreiteira

A Odebrecht é pivô das investigações da Operação Lava Jato, que apura esquemas de corrupção na Petrobras.
Fonte/Notícias ao Minuto.